Prefeitura de Jataí, Polícia Militar e Secretaria Cidadã implantam Patrulha Maria da Penha na cidade

Nesta terça-feira (17), o Centro de Artes e Esportes Unificados de Jataí (CEU) foi palco do evento de implantação da Patrulha Maria da Penha, projeto que faz parte do Programa Jataí Mais Segura e também, da formatura dos jovens beneficiados pelo Programa Jovem Cidadão, que busca desenvolver pessoal e profissionalmente, adolescentes e jovens da comunidade jataiense; ambos desenvolvidos pela Prefeitura de Jataí em parceria com o Governo de Goiás.

Na ocasião, estiveram presentes o prefeito Vinicius Luz, a vice-prefeita, Simone Oliveira Gomes, a secretária de Estado da Mulher do Desenvolvimento Social da Igualdade Racial dos Direitos Humanos e do Trabalho, Lêda Borges, que naquele ato representou o governador Marconi Perillo, o comandante do 14º Comando Regional da Polícia Militar, coronel Ricardo Mendes, o comandante do 15º Batalhão da Polícia Militar de Goiás, Alexandre Silva, a coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Tenente Daise Rezende, o delegado da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, Agnaldo Coelho, o delegado Regional da 14º Delegacia Regional da Polícia Civil, Ederson Bueno, o promotor de Justiça, Paulo Brondi, a advogada e presidente do Conselho Estadual da Mulher Flávia Fernandes, os vereadores, Kátia Carvalho, João Rosa, Gildenício Santos e David Pires e ainda, a representante da Rede ProAprendiz, Roberta Souza.

Na oportunidade, o prefeito, Vinicius Luz, ressaltou que desde o lançamento do Jataí Mais Segura, em junho deste ano, não tem medido esforços para aprimorar os projetos contidos no Programa. Também aproveitou o momento para reforçar que mesmo não existindo oficialmente a Secretaria de Defesa Social e Segurança Pública, ela já tem atuado junto às forças policiais e em projetos de defesa social, trabalho que tem sido conduzido pela vice-prefeita.

Já a vice-prefeita, Simone Oliveira Gomes, ao usar a palavra, anunciou que em breve será implantado o Conselho Municipal dos Direitos das Mulheres (COMDIM) para reforçar o apoio e o atendimento às famílias e às mulheres em situação de vulnerabilidade e violência. Também destacou a importância do projeto Princesas Desencantadas, desenvolvidos nas escolas, que visa preparar as crianças para o enfrentamento da violência familiar.

A coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Tenente Daise Rezende abordou a implantação do projeto na cidade de Goiânia, em 2015 e a expansão do projeto para 24 municípios do estado de Goiás, o que, segundo ela, tem sido um importante avanço para minimizar os índices de feminicídio no Estado.

Além disso, a secretária Lêda Borges,enfatizou a importância de se denunciar a violência sofrida pelas mulheres e aproveitando sua estada em Jataí, entregou certificados de conclusão da participação no programa Jovem Cidadão – que visa combater a violência, a evasão escolar e oferecer oportunidades de emprego e renda para jovens – para os beneficiados com o programa na cidade.

Ainda durante o evento foram apresentados 20 policiais que estão em formação e que trabalharão com a Patrulha Maria da Penha em Jataí e região.